Highlight da semana!




Ontem eu conversei com o Lula! Juro! Por 1 minuto, mas conversei. Falei com ele sobre minha tese, ele me falou um pouco sobre o Bolsa Família, me abraçou, falou que era para eu voltar para o Brasil quando terminasse o doutorado para implementar minha pesquisa, me deu um beijo na cabeça (weird!), e quando pedi uma foto, ele pegou minha camêra, entregou para o Sérgio Cabral, e o governador do estado do Rio bateu minha foto com o Lula. Show, né?!

Agora que já dei o highlight, vamos para os detalhes:

Na tarde de segunda-feira, recebi um email de uma professora me indicando para participar de uma conferência aqui em Washington. Foi super, mega em cima da hora, pois a conferência era terça e quarta. O evento estava sendo organizado pela Microsoft, reunindo líderes de governo com diretores regionais da Microsoft América Latina. Na hora, não entendi porque me convidaram, mas, não reclamei. Mudei meu horário e terça feira, no horário do almoço, estava lá no hotel da conferência. Como não conhecia ninguém, sentei numa mesa qualquer para almoçar. Lá pelas tantas, uma senhora peruana, muito bem vestida, senta na minha mesa e começamos a conversar. Batemos o maior papo sobre democracia na América Latina, a aceitação de governos autoritários e líderes (leia-se: presidentes) fortes e centralizadores, corrupção na região, entre outros assuntos. Lá pelas tantas, ela fala que foi justamente devido a corrupção no partido que ela desistiu da corrida a presidência! Gente, eu tava falando com a Mercedes Araoz!!!
Mercedes Araoz
Ela foi Ministra do Comércio Exterior e Turismo do Peru (2006-2010), e foi a primeira mulher na América Latina a ter o cargo de Ministra da Fazenda (2009-2010), cargo que ela largou para se candidatar a presidência do Peru!!! Meu queixo caiu! Estava no maior papo com ela e nem sabia quem ela era!!!

Enfim, lá pelas tantas, o almoço acabou e fui assistir as palestras da conferência. Nesse momento, ouvi um povo falando em português, e grudei neles. Bem, sorte minha, pois sem querer, grudei com um povo que estava acompanhando a Claudia Costin, secretária municipal de educação do Rio. Show!!! Conversei com ela, falamos sobre os programas educacionais do município e conheci pessoas bem interessantes (e que pareciam bem dedicadas e qualificadas) que trabalham com ela na secretária.
Claudia Costin
A conferência ia até tarde, mas infelizmente, tive que sair pois tinha que estudar e preparar minhas aulas de quarta. No problem, porque a conferência continuava na quarta feira, com o auge do discurso do Lula. Então vamos pular para quarta!

Cheguei no salão do evento, as mesas já estavam praticamente todas ocupadas. Vi uma mesa com uma cadeira vazia e perguntei se podia sentar ali. Um senhor que estava naquela mesa, disse que sim. Me sentei e me apresentei. Ele fez o mesmo, e ele era...o secretário nacional de tecnologia, ciência e inovação do Panama, o Ruben Berrocal! Conversamos um pouco sobre os sistemas educacionais na América Latina, sobre os programas de transferência de renda, a ineficiência da burocracia na região, enfim, vários assuntos, até que tivemos parar de conversar pois estava na hora do próximo discurso, o do Lula. 

Bem, como o evento foi um evento fechado para a mídia, não posso repetir o que o Lula falou, mas posso dizer que ele foi relativamente diplomático, e o povo aplaudiu de pé. 

Quando ele saiu do palco, o povo ficou em um alvoroço. Eu tinha que voltar para a faculdade, então comecei a sair do salão. Mal tinha saído da sala, estava no lounge do evento, quando me deparei com o Sérgio Cabral, governador do estado do Rio. Na hora puxei um papo, falei que admirava as políticas de segurança que ele tinha implementado, as UPPs, etc. Conversamos por uns 5 minutinhos. Nessa hora, o Lula e sua delegação sairam da sala do evento, e o Sergio Cabral e eu fomos "absorvidos" pela multidão de repórteres, segurança, diplomatas, enfim, a delegação toda. Eu mal conseguia me mexer, e tudo que queria fazer era ir embora, mas como fiquei presa no meio dos jornalistas, não tinha como sair. 

A muvuca de jornalistas...como fiquei presa pela multidão, resolvi aproveitar e bater umas fotinhas rsrsr

Até que a delegação começou a andar em direção a saída, e eu fui "levada" pela multidão, e não pergunte como, acabei andando enfileiradinha subindo a escada para sair da sala com o Lula na frente, e o Sergio Cabral atrás. Aí resolvi puxar conversa! Subindo a escada, chamei o Lula, falei para ele que estudava o impacto do Bolsa Família, que minha dissertação de doutorado era sobre políticas sociais na América Latina, e pronto! Embalamos num papinho. Lula me abraçou, me deu um beijo na cabeça (ok, meio esquisito...dispensava o beijo, mas pelo menos faz a história ser mais interessante). Lá pelas tantas, o segurança chamou o presidente para sair, e eu aproveitei e pedi para tirar uma foto. Gente, o Lula pegou minha camera, entregou para o Sergio Cabral, e disse "Ah, o governador tira." E o Sergio Cabral tirou mesmo! Tudo bem que só conversei um minutinho com ele, mas é um minutinho a mais que muita gente. 

OBS importante: Esse post não é de forma alguma uma forma de demonstrar meu apoio ao governo Lula (ou ao Lula, o político). Muito pelo contrário, tenho muitas críticas ao governo Lula e me preocupo com o impacto que o populismo e o culto do lulismo terão no nosso país. Porém, não posso negar que ele é uma figura política relevante, com capital político significativo, então, sendo assim, é claro que reconheço a importância que ele tem não só no Brasil, mas na América Latina, e por isso fiquei satisfeita em poder trocar algumas palavras com ele e registrar este momento. 

Labels: , ,