Gargalhadas e algumas lágrimas

Antes de mais nada, preciso explicar o seguinte: como convidada, eu meço a "qualidade" de uma cerimônia de casamento pela quantidade de lágrimas felizes. Todas as cerimônias já começam lindas, afinal, ninguém resiste à entrada da noiva, né? Esse momento sempre é lindo e já é o suficiente para encher meus olhos de lágrimas (de felicidade, tá gente?! Nada de ficar chorando de tristeza em casamento!)

Agora, se NENHUMA lágrima escorrer depois desse momento, a cerimônia recebe um 7.

Se algumas lágrimas caírem, mas não o suficiente para precisar de um lencinho, aí a cerimônia ganha um 8.

Se precisar de lencinho para secar a bochecha umedecida, a cerimônia recebe nota 9.

Agora, se o lencinho for usado para enxugar as lágrimas E assoar o nariz (de forma elegante e discreta, que nem uma lady, é claro) aí sim, dou nota 10!

Pegaram o espiríto da coisa?! (obs importante: sou super chorona para essas coisas; chego a chorar até assistindo vídeo de casamento de casais alheios na Internet, ou seja, não é difícil conquistar um 9 na minha escala). 

Ok, agora que já expliquei minha medida de avaliação para cerimônias de casamento, posso voltar a nossa cerimônia. Sabia que, na minha cerimônia COM CERTEZA iria me debulhar em lágrimas. Nem me preocupei em ficar toda borrada, porque era FATO que iria precisar de vários lencinhos...Só não sabia quantos lencinhos seriam necessário, porque o que a gente chorou não estava no gibi... (e sim, a gente! Thiago, eu, nossos convidados, e até meu pai, que não chora NUNCA!)

O Thiago chorou quando eu entrei (muito fofo!),

Eu chorei quando comecei a ler meus votos (ok, chorei do início ao fim...)
Preciso aprender a "chorar bonito"

Todos entraram no coro das lágrimas comigo durantes os votos (mais uma vez, lágrimas de ALEGRIA, tá?! Nada de lágrimas tristes...) Até um amigo dos meus pais que é mega marrento e ex-lutador de jiu-jitsu veio falar que fiz ele chorar ;)
Meu marido chorando enquanto eu lia meus votos (ainda bem que ele não lê o blog sempre...se não vou levar bronca por colocar essa foto aqui...)

E viu? Até rolou a "assoada" do nariz :) Nota 10!!!
Posso falar que adoro essa foto? Acho ela hilária!

Mas, além de várias lágrimas, rimos MUITO durante a cerimônia toda! Assim, em qualquer cerimônia de casamento (cerimônia de livre, espontânea vontade, tá?) acho que é normal os noivos sorrirem o tempo todo.

 Mas a gente deu gargalhadas! Juro! Dessas de jogar a cabeça pra trás e segurar a barriga de tanto rir!

Primeiro, ao começar a cerimônia, a juíza Arethuzah me chamou de Karen (nome da minha irmã, cuja cerimônia ela fez em novembro do ano passado). Nossa, morri de rir! (engraçado como essas coisas, que têm potencial para chatear você no dia a dia, nem fazem coceguinhas no dia do casamento. Juro que eu era intocável! Nada conseguiria me chatear no meu dia...) 
Ri muito quando ela me chamou de Karen! A coitada da minha irmã passou a infância inteira sendo chamada de Helen pelos nossos professores, meus amigos a chamavam de Mini-Helen e uma vez até meu pai se confundiu... De vingança, logo no dia do meu casamento, me chamam de Karen...falei para a Kaka que NUNCA MAIS ela poderá reclamar que a chamavam de Helen rsrsrsrsrs
Gargalhando da confusão da juíza

Depois, enquanto o Thiago lia os votos dele, eu ria a beça. Sério, foram os votos mais bem bolados EVER! (Se ele deixar, até coloco aqui para vocês verem, porque foi mega fofo, divertido, romântico, original e criativo).
Sim, ele usou um iphone para ler os votos...

Aí, para completar, o Thiago ainda resolve colocar a aliança na minha mão direita (e eu baixinho, "Amor, é na outra mão...") Gargalhadas e mais gargalhadas, né?!
Meus pais rindo do "erro" do Thiago e minha "correção"

Sei que ri tanto durante a cerimônia, que tenho até foto segurando a barriga (estava doendo de tanto rir...soy MUY elegante, né?!)
Essa é minha foto predileta da cerimônia (ok, é uma das minhas 20 fotos prediletas da cerimônia...)

Mas enfim, o importante é que a cerimônia foi super emocionante. Para aqueles que pensam que só cerimônia no religioso tem emoção, taí um exemplo contrário! Afinal, quem faz a cerimônia ser emocionante são os noivos, não o oficiante...(e é por isso que sou super a favor dos votos pessoais, escritos pelos próprios noivos...imagina alguém conseguir colocar em palavras o que EU sinto?!)

Todas as fotos são da Renata Xavier. 
(Por favor, não copiem as fotos sem autorização prévia).

Labels: , , ,