Há 10 anos...

Nova York foi alvo de um dos maiores atentados terroristas da história. Eu estava começando o segundo ano da faculdade em Columbia, e estando em Nova York, pude observar esse momento da história bem de pertinho. 

Foi um dia sombrio, que passou em camêra lenta, e que ficará na memória para sempre.

Em 2001, eu trabalhava nos arquivos da biblioteca, para ganhar um trocadinho. Entrava todo dia às 9 da manhã e saia por volta do meio dia. Ainda não tínhamos internet wireless no campus, e eu trabalhava num salinha isolada láááá no último andar, sem acesso a Internet, TV, e pra completar, meu celular não pegava.  Fui trabalhar no 9/11 como um dia qualquer, chegando na biblioteca no meu horário certinho. Anos depois que fui perceber que, quando bati o ponto no trabalho às 9, os acidentes tinham acabado de ocorrer. Só que, como morava nos dormitórios, não tinha TV e ainda não tinha desenvolvido essa dependência que tenho na Internet hoje, de acordar e checar as notícias (algo que, provavelmente, não é muito saudável, né?)

Durante um break do trabalho, lá pelas 9:45-10, fui perguntar para a minha chefe se ela queria um café (estava indo comprar um café para mim), quando ela vira para mim e fala, "I didn't know you were here. New York is being attacked. The Twin Towers have been hit by planes. You should call your family and let them know you're ok." A essa altura, ainda não sabíamos se os atentados eram ocorrências isoladas ou se aconteceriam mais ataques. Ou seja, para muitos, Nova York ainda corria o risco de sofrer mais ataques...Quando ela me deu essa notícia, minha resposta foi meio que "WHAT?! Are you sure?" (eu estava achando que ela tinha exagerado. Ela era uma senhorinha bem velhinha, estereótipo de bibliotecária...) O comentário dela me soou tão absurdo, que na hora não acreditei. 

Sai da biblioteca e, no caminho, encontrei um amigo meu que me perguntou o que diachos eu estava fazendo andando pelo campus. O World Trade Center tinha sido atacado e o Pentagono também, e como assim, eu não sabia?! Ele tinha acabado de sair do refeitório e essa notícia estava passando direto na TV. Fomos os dois para nosso dormitório.

Na época, eu morava em um dormitório bem alto, e no último andar do prédio tem um lounge com janelões de vidro. Me lembro de TODOS os residentes no lounge nesse dia. Das nossas janelas, olhando para o sul da cidade, conseguíamos ver uma fumaça preta. Na única TV do lounge, a CNN ligada com as notícias, passando as imagens do WTC caindo e do segundo avião batenda na segunda torre. Foi a primeira vez que vi essas imagens...Me lembro de achar aquilo tudo meio cena de cinema, não parecia real... 

Dei uma entrevista sobre esse dia para a Karol Nascimento, que é jornalista do Diário do Nordeste e que também tem um blog super legal sobre sua vida aqui nos EUA. Quem quiser ler sobre minhas impressões do dia dos atentados, indico a entrevista que fiz (aqui).

Labels: , , ,