Organizando meus papers

O post de hoje é especialmente para Jackie, que perguntou para mim como faço para organizar meus papers e artigos nos meus fichários (se você não está fazendo graduação ou pós, provavelmente esse post é beeeem chatinho...sorry...)

Durante o mestrado, eu tinha o hábito de imprimir absolutamente TODOS os papers que lia e colocava eles em fichários de acordo com a matéria. Tinha um fichário para cada matéria, colocava a ementa de aula na capa do fichário, e ia adicionando os papers na ordem que eram lidos na matéria. O problema é que muitas vezes o mesmo artigo era indicado para duas matérias diferentes. Nesse caso, imprimia duas cópias e cada uma ia para um fichário diferente (não muito eficiente...)
Esses fichários aí vão de setembro 2007 até maio de 2010.

Aí, no último semestre do mestrado, passei a ler os artigos direto no computador, usando o Adobe Acrobat profissional (e atualmente o Preview do Mac) para poder editar e marcar os artigos, sublinhando e fazendo comentários. Durante mais ou menos um ano, lia o artigo no computador, marcava no computador, e aí imprimia a versão editada, que ia para o seu respectivo fichário. Isso durou mais ou menos um ano, por não ser muito eficiente...

Foi quando finalmente descobri o método que acho mais eficiente, prático e que uso atualmente: hoje em dia, leio tudinho no computador ou no Ipad e não imprimo nada! (me adaptei a fazer tudo eletronicamente). Durante o semestre, tenho uma pasta para cada matéria no computador, e cada uma contém sua respectiva subpasta: "Artigos e Leituras." É nessa pastinha que vou guardando todos os artigos que são recomendados para cada matéria específica. Organizo por último nome dos autores, depois título do artigo. No final de cada semestre, pego TODOS os artigos, tiro eles da pastinha de cada matéria e passo para uma pasta principal chamada "Political Science Articles and Summaries" (OK, título mega criativo, né?)

É nessa pasta que guardo absolutamente TODOS os artigos que já li no doutorado e também os relevantes do mestrado, com seus respectivos resumos (que também são arquivados por último nome de autor e depois título). Essa pastinha, hoje em dia, contém mais de 450 artigos lidos, com aproximadamente 280 resumos. Nem preciso dizer que ela é meu xodó, né?

Esse é o método que achei mais eficiente, pois assim não fico acumulando papel e não fico perdidinha procurando artigos que acho que tenho no meu computador. Ah, a outra vantagem é que assim, quando tenho que re-ler um artigo antigo para uma nova matéria, já acho facilmente a versão lida e marcada, economizando um bom tempo...

Agora, apesar de ter essa pasta com todos meus artigos lidos para matérias, ainda tenho uma pasta separada, "Dissertation Research," aonde guardo os artigos que leio que são diretamente relacionados à minha dissertação. Isso é mais para facilitar minha vida e não ficar catando os papers da dissertação no meio de 450 artigos...Ah, e essa pasta (Dissertation Research) fica arquivada no Dropbox (programinha excelente que serve de backup, storage e sharing), assim se algum dia meu Mac querido der um piripaque, não ficarei comatosa nem em estado catatônico...
Juro que ficaria assim se perdesse meus arquivos de tese...e se vc não reconhece essa cena, aqui uma dica: é a sessão da tarde que mais passava na década de 90. 

Labels: , ,