Week 16: Cub = Abacate

(Post atrasado uma semana, porque eu fiquei com preguiça, mas a foto foi tirada no dia certinho :)

Essa semana comecei a fazer yoga pré-natal em grupo (inclusive essa foto foi tirada bem depois da aula...o que explica o look meio, digamos assim, "despojado"...) 

Já tinha tentado fazer yoga umas 2-3 vezes na última década, mas nunca tinha gostado (não que seja uma pessoa que faz o tipo "atleta," mas sempre preferi exercícios mais "agressivos," tipo boxe, spinning, e corrida). Aí, em todas as minhas tentativas prévias de fazer yoga (e pilates), quando chegava aquela hora de relaxar, de visualizar uma cachoeira, respirar, sentir a terra girando e ser zen, eu ficava MEGA ansiosa, estressada e queria logo que a aula terminasse! Resumindo: acho que era uma das poucas pessoas que saia da aula mais estressada do que começava. Yoga não era para mim! 

(Parêntese para explicar minha trajetória com yoga...quem não tiver paciência, pule para o próximo parágrafo):
Aí, no início desse ano (praticamente 10 anos após minha última tentativa frustrada de fazer yoga), uma amiga sugeriu a bikram yoga (a yoga quente...tem aí no Brasil?!) Aqui tá super na moda, e basicamente é yoga praticada numa sala aquecida a 38-40 C. Comecei em janeiro e adorei! Estava me amarrando na aula, curtindo a beça, descobrindo músculos que nunca sabia que tinha (de tanto que doíam pós-yoga...) Mas, quando descobri que estava grávida, tive que parar, porque aqui os médicos não recomendam deixar a temperatura interna do corpo passar de 38C durante a gravidez e não recomendam yoga quente (por isso que tb não recomendam fazer sauna, usar jacuzzis, etc...) Na verdade, pelo que li na Internet, não há estudos concluindo que bikram yoga realmente aumenta a temperatura interna do corpo (e várias mulheres continuam fazendo bikram durante a gravidez), mas, por via das dúvidas, troquei a yoga quente por yoga pré-natal. 

Eu não consigo fazer metade dessas normalmente, quem dirá com essa barriga...

Comprei um DVD de yoga pré-natal (esse aqui, que é bem bacana!) e estava curtindo bastante mas aí esqueci o DVD em Washington por 2 semanas e nesse meio tempo, resolvi fazer uma aula de yoga pré-natal em grupo. Nossa, yoga pré-natal em grupo é um negócio muito curioso!!! Juro que me senti parte de um clubinho exclusivo! É muito estranho estar num ambiente com umas 10-15 mulheres, TODAS barrigudas (menos a professora). Sério, é muito "clube da Luluzinha!" 
Essa é minha amiga Laura, arrasando na yoga com uma barriga de 9 meses! A filhinha dela nasceu na primavera do ano passado, e hoje a Laura dá aulas de ginástica para mães com bebes no Central Park. 

Acho que eu era a menos grávida da aula, pois a maioria já tinha passado da 22a semana. Tem umas 2-3 que já estão com mais de 35 semanas, e na última aula, tinha uma com 39 semanas (!!!), que já estava sentindo contrações, mas estava lá, na boa, se contorcendo e fazendo svanasana. Achei muito legal! 

É BEM diferente da yoga normal, já que a aula é mais "user-friendly" e fofa (todo mundo se apresenta, fala aonde está na gravidez, como está se sentindo fisicamente E emocionalmente...dá a impressão mesmo que você pertence a um clubinho exclusivo rsrsrsrs) 

Enfim, gostei muito e vou continuar fazendo, até porque, reparei que quando passo uns 3-4 dias sendo preguiçosa sem fazer yoga, já sinto uma leve dor na lombar (e olha que a barriga tá pequena ainda! Acho que minha lordose não irá me perdoar nos próximos 5 meses...)  

Labels: